Palavras de campeão

Meu camarada e grande jornalista Tulio Brandão lançou na semana passada, em São Paulo e no Rio, a biografia autorizada de Gabriel Medina, o atual campeão mundial de surf profissional. O livro, editado pelo selo Primeira Pessoa, da Editora Sextante, foi escrito depois de muitas idas a Maresias, além de entrevistas com amigos, rivais e familiares. Um boa leitura para qualquer surfista e para quem curte a narrativa de superação de um garoto que tinha tudo para ser mais um surfista esquecido do nosso litoral mas que tornou-se um dos maiores nomes do esporte brasileiro em todos os tempos.

Túlio, pra quem não sabe, é um ótimo surfista e jornalista de primeira, ganhador inclusive do Prêmio Esso (maior prêmio da imprensa brasileira) em 2004 com uma reportagem sobre a agonia do rio Paraíba do Sul. Tive o prazer de conhecer Túlio durante o Kaiser Summer Festival, em 1997, na Barra (aquele do floater quilométrico do Kelly Slater). Eu era assessor de imprensa do evento e ele foi enviado pelo saudoso Jornal do Brasil para cobrir a etapa do Circuito Mundial. Ainda novato, ele já mostrava o faro para pautas originais, tentando fugir do be-a-bá que a grande maioria da imprensa não especializada queria. Sempre puxado pelo Fernando Duarte, seu rival do O Globo, conseguiu excelentes matérias e chamou minha atenção pela intimidade com o surf. Apenas depois descobri que Túlio era local do Leblon e bom nas ondas.

Anos mais tarde, acabou se transferindo para O Globo onde passou a trabalhar na editoria do Rio, fazendo uma ou outra matéria para Esportes, quase sempre sobre surf. Tentou durante um período fazer textos para o site Waves mas a indisponibilidade para escrever acabou contribuindo para a falta de sequência. Porém, como tudo vem ao seu tempo, novamente ocupa um espaço no Waves e na minha opinião, faz uma das melhores colunas dentro da mídia especializada. Apesar de termos opiniões e idéias sobre o surf bem distintas, nos respeitamos e estamos há alguns anos marcando um chopp para colocá-las na mesa.

Por isso, a escolha de Túlio para escrever sobre uma figura tão rica em conteúdo, mesmo com pouca idade, como Gabriel, para mim é garantia de uma excepcional leitura. Óbvio que por ser uma biografia autorizada, talvez não tenhamos muita polêmica, mas o que importa é o espaço dado por uma grande editora, no caso a Sextante, para um surfista brasileiro, algo impensável até então.

Ainda não comprei o livro, mas o farei. E vou ler! Aconselho você a fazer o mesmo. Num país onde temos tanta gente suja e safada, exemplo de vida como o de Gabriel merece ser passado adiante. Afinal, ele é o herói de um segmento, de uma geração. Um colírio para os olhos desta juventude que só escuta falar de corrupção. Vá a livraria e exercite sua mente! Vale a pena!

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve presente no lançamento do livro em SP.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve presente no lançamento do livro em SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *