Entrevista com Rafael Alla nova geração do Surf

O RioSurfCheck fez uma entrevista com Rafael Alla,  atleta carioca da nova geração, que faz alguns comentários sobre o surf Brasileiro

RIOSURFCHECK: Quais as perspectivas para sua carreira ?
Então, até um tempo atrás eu queria continuar competindo e tentar realizar o sonho de todo competidor que é entrar no WCT, mas dei uma desanimada em participar das competições. Acabei optando pelo lado de fazer matérias, vídeos, aparecer em sites, free surf, etc.

RIOSURFCHECK: Como você vê a evolução dos Brasileiros no WCT ?
Os brasileiros estão SINISTROS !! Eles estão evoluindo cada dia mais. Aperfeiçoando manobras, procuram sempre melhorar os seus pontos fracos.  Não só no WCT, mas no WQS também. Eles estão competindo de igual para igual com os gringos.

RIOSURFCHECK: Quais atletas da sua geração você aponta como futuros surfistas do tour ?
No Brasil tem uma galera muito sinistra. Victor Bernardo, Lucas Silveira, Ian Gouveia, Jesse Mendes, Yago Dora, estão dando muito trabalho.

RIOSURFCHECK: As competições de base no Brasil deram uma diminuída, como vc analisa isso ?
As competições deram uma caída mesmo, mas acho que no Rio nunca tiveram muitos campeonatos , tinha um ou outro. Se você quiser ser um surfista top e está querendo entrar no WCT,  não pode só competir no seu estado. Tem que ir pra outros estados e até outros países, competir com outras pessoas, com surfistas com o nível maior que o seu. Isso é fundamental para sua evolução.

RIOSURFCHECK: Tem Patrocínio? caso não: Encontrando dificuldades para encontrar patrocínio?
Sai da marca HD – Hawaiian Dreams a pouco tempo, mas estou com o apoio da GHOST, uma marca muita irada, que tem óculos, roupas, bonés. Além disso, tenho apoio de marca de prancha  ELECTRA, que me apoia desde muito novo.
Hoje em dia está muito difícil de conseguir um bom patrocínio. As marcas não apoiando quase ninguém, nem eventos amadores. Está muito difícil.

RIOSURFCHECK: O que você gostaria de falar do surf brasileiro?
Os surfistas brasileiros são os mais guerreiros, pois mesmo sem patrocínios estão sempre batalhando. Queria passar uma mensagem que não podemos desistir. Temos que correr atrás de nossos sonhos, pois o Brasil tem os surfistas mas talentosos do mundo.

Rafael Alla em ação no evento da FESERJ Foto: Pedro Monteiro

Rafael Alla em ação no evento da FESERJ Foto: Pedro Monteiro

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *